Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

ONLINE
2




Partilhe esta Página





Total de visitas: 874798
ENTREVISTA COM SÔNIA NOGUEIRA
ENTREVISTA COM SÔNIA NOGUEIRA

ENTREVISTA COM SÔNIA NOGUEIRA

 

  1. De onde você é? Quando você começou a se aventurar na literatura? Sofreu influência direta de parentes mais velhos, amigos, professores? O que aprendeu na escola o instigou a criar textos?

R – Eu vim de Fortaleza, terra de sol que aquece e belas praias que encantam o olhar. Sim. Quando criança minha tia cantava a história do Pavão Misterioso; de tanto ouvir, passei a ler muitos cordéis e criar versos.

                                                                                                         

  1. Você já leu muitas obras e lê frequentemente? Que gêneros (poesia, contos, crônicas, romance) e autores prefere?

R - Já li muitas obras e continuo lendo, de gêneros diversificados. Não tenho um autor específico.

 

  1. Costuma fazer um glossário com as palavras que encontra por aí (em livros, na internet, na televisão etc.) e ir ao dicionário pesquisá-las?

 R – Não faço glossário, mas sempre que uma palavra deixa dúvida vou ao dicionário.

 

  1. Há escritores de hoje na internet (não consagrados pelo povo) que admira? Em sites, Academias de que de repente você participa etc.

R - Há alguns escritores na minha cidade e academias a que eu pertenço, e aprecio seus livros, de contos, crônicas e poesias. Leio sempre e vou para momentos de autógrafos.

 

  1. Você costuma participar de antologias? Acha-as algo interessante? Participaria de uma se eu a lançasse?

R - Já participei de 79 antologias, impressas e 39 virtuais no Chile, recebo apenas o link.  Ninguém compra, preferem o livro solo. Pretendo reduzir essas participações. Geralmente só participo uma vez para cada convite. 

 

  1. Você é membro de Academias de Letras? Aceitaria indicações para ingressar em Academias de Letras como membro?

Participo de quatro Academias Literárias locais, cinco correspondentes e duas associações. Não pretendo participar de outras.

 

  1. Tem ideia de quantos textos literários já escreveu? Há quanto tempo escreve ininterruptamente?

R – Escrevo desde jovem, mas somente há 15 anos escrevo de modo ininterrupto. Tenho mais de 4.000 mil poemas, mais de cem contos, mais de cem crônicas, mais de 40 histórias infantis.

 

  1. Você tem dificuldade de escrever em prosa, em verso?

R- Não. Tenho muita facilidade para escrever, basta o tema.

 

  1. Você possui algum lugar onde publica textos virtualmente? Qual?

R - Sim. Site:

http://www.recantodasletras.com.br/autores/SoniaNogueira

https://www.luso-poemas.net/modules/yogurt/index.php?uid=1431

Blog:

 https://sogueira-pedacosdemim.blogspot.com.br

https://sogueira-comemorativas.blogspot.com

https://sogueira-mundoinfantil.blogspot.com/

https://sogueira-contosinfantis.blogspot.com/

https://sogueirarte.blogspot.com/

 

  1. Que temas prefere escrever? Prefere ficção ou o que vivencia e vê no dia a dia?

R - Os dois temas.

 

  1. Aprecia outros tipos de arte usualmente? Frequenta museus, teatros, apresentações musicais, salões de pintura? Está envolvido com outro tipo de arte (é pintor, músico, escultor?)

 R – Pinto telas, mas todo tipo de arte admiro, música, teatro, escultura.

 

  1. Que retorno você espera da literatura para si mesmo no Brasil? E a nível de mundo?

R - Não tenho grandes pretensões, escrever e divulgar meus textos na internet, e enviar para alguns pedidos de site, escolas, e festas comemorativas já me traz contentamento. O mundo precisa de cultura literária tão reservada e quase oculta numa população de reduzida cultura.

 

  1. Você acha que o brasileiro médio costuma ler? Acha que ele gosta de literatura tradicional ou só de notícias rápidas e sem profundidade?

R - O brasileiro tem pouca leitura, pela falta de valorização do país, pouco incentivo familiar. Agora a população de modo geral está lendo muito por conta da internet, mas não sabemos a qualidade da leitura. Há muita leitura inútil desperdiçada.

 

  1. Você costuma registrar seus textos na FBN antes de publicá-los? Sabe da importância disso?

R – Sei da grande importância no registro da FBN, no entanto ainda não adquiri o hábito de fazê-lo.

 

  1. Já tem livros-solo publicados? Consegue vendê-los com certa facilidade?

R – Tenho 13 livros publicados e 10 livretos edição própria, de contos, crônicas, poesias infantis. Um editado na Europa. A venda é pouca, só no dia do lançamento e alguns aqui e acolá. Não há divulgação.

 

  1. Já conhecia o poeta-escritor Oliveira Caruso (desculpe-me... Esta pergunta é padrão para quem participa de meus concursos literários)?

R Sim, ganhei medalha de prata com poema infantil, no Concurso Amor entre mães e filhos.

 

  1. Você trabalha com literatura inclusive para aumentar sua renda ou a leva como um delicioso hobby?

R- É por prazer de ser lida e divulgar na internet.

 

  1. Você trabalha(ou) fora da literatura?

R – Sim, sou educadora aposentada.

topo